Potência aumentada em homens após 50 anos

maneiras de aumentar a potência em homens após 50 anos

O interesse de um homem pela vida sexual depois dos cinquenta sofre poucas mudanças, mesmo com uma ligeira diminuição na potência. A frequência e a duração das relações sexuais diminuem, uma ereção se desenvolve mais lentamente, mas a satisfação sexual permanece.

Na maioria dos casos, os distúrbios da potência masculina após os 50 anos de idade são tratados com sucesso, você só precisa consultar um médico na hora certa. Este artigo o ajudará a entender os problemas de saúde dos homens.

Qual deve ser a potência em 50

Após atingir os 50 anos, as possibilidades fisiológicas de continuação da vida sexual no homem diminuem, mas isso não significa que tenham desaparecido por completo. A necessidade de relações sexuais em um homem saudável é preservada, e um interesse constante neste assunto é mantido.

No entanto, a potência nos homens diminui após 50 anos, quase todos os homens notam que agora precisam de mais tempo para atingir um estado de prontidão. Sinais de envelhecimento fisiológico podem aparecer em um homem completamente saudável.

A norma nesta idade é cerca de 8 a 10 contatos sexuais completos por mês, com uma duração média de 2 a 3 minutos (cerca de 50 atritos). Mas essas são normas médias, para alguns homens a norma é mais contatos, para outros - menos. A duração também pode ser muito diferente.

O conceito de norma na vida sexual é individual: se um homem se sente confortável com uma certa taxa de contatos sexuais, então esta é a norma para ele. Alguns homens mantêm a capacidade de manter relações sexuais até a velhice. Por que isso está acontecendo? Obviamente, a hereditariedade e o modo de vida anterior do homem são de grande importância para a manutenção da potência.

Essas são todas as opções de norma que devem ser consideradas. Mas, em alguns casos, um homem precisa de suporte adicional.

Como aumentar a potência após 50 anos é melhor discutido com um urologista-andrologista. Ele aconselhará como você pode fortalecer sua força masculina, recomendará medicamentos eficazes, suplementos alimentares ou remédios populares.

Causas de impotência em homens após os 50 anos

Por que a atividade sexual masculina está diminuindo? A diminuição da potência após 50 anos tem vários motivos, tanto fisiológicos quanto patológicos, associados a várias doenças.

Causas fisiológicas

As razões fisiológicas para a diminuição da potência em homens incluem:

  1. Diminuição do nível do hormônio sexual masculino testosterona no sangue.Em nome, este indicador é 350-1000 ng / dl. Para os homens jovens, esse é o limite superior da norma, a partir dos 30 anos o indicador diminui e aos 50 anos corresponde aos limites inferiores da norma. Isso ajuda a reduzir o desejo sexual e todas as outras ligações da relação sexual.
  2. Mudanças na atividade do sistema nervoso central nos homens após os 50 anos.Agora não é a excitação que prevalece, como na juventude, mas a inibição, mas com mais frequência esses processos se equilibram.
  3. Alterações relacionadas com a idade nas paredes dos vasos sanguíneos.Eles se tornam menos elásticos, portanto, durante a excitação sexual, a expansão dos vasos sanguíneos e do fluxo sanguíneo para o pênis não ocorre tão rapidamente como na juventude.

Se você conhece e leva em consideração as peculiaridades da idade, os problemas de potência aos 50 anos podem ser resolvidos corrigindo o comportamento de um homem e de sua parceira durante a relação sexual.

Causas patológicas

Os distúrbios de potência relacionados à idade em homens podem ser baseados em vários motivos. Na segunda metade da vida, os homens costumam desenvolver várias doenças crônicas, aparecem os maus hábitos, que provocam uma violação da potência. Esses motivos incluem:

  1. Tabagismo e abuso de álcool por longo prazo.Em ambos os casos, o sistema circulatório sofre: ocorre vasoconstrição persistente, que impede o desenvolvimento de uma ereção. Homens que bebem frequentemente discordam disso, pois com a ingestão de álcool, a ereção pode melhorar. Esta é uma propriedade insidiosa do etanol: a princípio, por um curto período de tempo, ele expande drasticamente os vasos (promove o início de uma ereção), e então causa seu estreitamento persistente de longo prazo. Quanto mais longa a paixão pelo álcool, mais fraca é a potência.
  2. Transtornos alimentarescom o uso de grandes quantidades de alimentos com alto teor calórico (gordurosos, doces, ricos). Isso leva a uma mudança no metabolismo e distúrbios hormonais e de colesterol associados.
  3. Um estilo de vida sedentário- contribui para a má circulação e o aparecimento de disfunções eréteis.
  4. Violação do metabolismo do colesterole doenças associadas do coração e dos vasos sanguíneos. Os homens são suscetíveis a essa patologia com mais frequência do que as mulheres, especialmente se a família tiver doenças como infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral isquêmico. As placas de colesterol são depositadas nas paredes dos vasos sanguíneos, o que impede sua expansão e o fluxo sanguíneo para a pequena pelve durante a relação sexual.
  5. Obesidade. Dá impulso ao fortalecimento de quaisquer distúrbios hormonais e distúrbios do metabolismo do colesterol, portanto, afeta negativamente a potência.
  6. Diabetes mellitus tipo 2, em que o corpo perde a capacidade de absorver glicose, desenvolve-se principalmente após 40-50 anos e causa estreitamento persistente de pequenas artérias, inclusive na região pélvica, quereduz a qualidade da função erétil.
  7. Doenças inflamatórias crônicas e tumores benignosda próstata (próstata). Prostatite crônica com dor constante e disfunção urinária não contribui para uma vida sexual plena.
  8. Infecções genitais transferidas e não completamente curadas- gonorreia, tricomoníase, clamídia e outras. Um processo inflamatório constante e imperceptível nos genitais e no trato urinário inferior interrompe a circulação sanguínea, os processos metabólicos e suprime a função sexual. Um homem desenvolve uma potência fraca.
  9. Doenças da coluna- osteocondrose e hérnia da região lombossacral com compressão da cauda equina - a parte final da medula espinhal, que contém os centros responsáveis ​​pelo sistema geniturinário.
  10. Aumento significativo da atividade física e estresse frequente- não contribuem para a manutenção da potência normal em um homem.
  11. Tomar certos medicamentos. Esses medicamentos incluem certos medicamentos para baixar a pressão arterial, antidepressivos, tranquilizantes e outros.

Como aumentar a potência em homens depois dos 50, se estiver associado aos problemas listados, o urogog-andrologista lhe dirá, ele também selecionará medicamentos e suplementos dietéticos para restaurar a força masculina.

Os primeiros sinais de potência fraca em 50

Como os distúrbios da potência masculina têm causas diferentes, seus sintomas e padrões de desenvolvimento também são diferentes. Assim, após estresse ou uma doença aguda (resfriado, infecção viral, infecção intestinal), a potência diminui por um tempo, e então se recupera no volume relacionado à idade.

No contexto de doenças cardiovasculares crônicas ou doenças inflamatórias de longa duração do aparelho geniturinário, a diminuição será gradual, sendo mais difícil perceber seus sinais. Vale a pena prestar atenção aos seguintes sintomas:

  • diminuição do impulso sexual (libido) - um homem simplesmente não se importa muito com sua própria sexualidade;
  • falta de ereção matinal espontânea;
  • diminuição no número de contatos sexuais por mês em comparação com o mesmo período do ano (seis meses) atrás;
  • o início de uma ereção é lento, para alcançá-la são necessárias as preliminares do parceiro;
  • o pênis durante a ereção não é firme o suficiente, o aumento de volume não é completo, o ângulo de elevação está abaixo do normal;
  • Aparecimento de ejaculação precoce e rápida conclusão do ato.

Se uma falha ocorreu uma ou duas vezes e tudo foi restaurado, então o homem não deve entrar em pânico, ele só precisa estabelecer um estilo de vida saudável, nutrição adequada, eliminar o estresse e atividades físicas pesadas e restaurar relacionamentos de confiança com uma parceira.

Se os distúrbios de potência durarem mais, especialmente se houver uma diminuição lenta, então é melhor para o homem procurar ajuda médica o mais rápido possível. Hoje é perfeitamente possível restaurar a disfunção sexual em um homem após 50 anos.

Graus de distúrbios de potência relacionados à idade

Os distúrbios de potência ocorrem em quase metade dos homens após 50 anos. Todas as violações de potência são divididas em graus:

  • grau leve- pequenas falhas ocorrem periodicamente ou há uma diminuição gradual e imperceptível da potência; as ereções espontâneas matinais desaparecem, o tempo da relação sexual diminui e assim por diante; distúrbios leves ocorrem em um terço dos homens que têm problemas de potência;
  • médio- os problemas estão crescendo, é difícil conseguir uma ereção completa, aparece a ejaculação precoce; as falhas são acompanhadas de estresse, o que agrava ainda mais a situação; o grau médio se desenvolve em metade dos homens com essa patologia;
  • grau severo- falta de desejo sexual e impotência completa; às vezes o desejo sexual persiste, mas não há ereção; desenvolve-se em 20% dos homens.

Se um homem tem uma potência fraca aos 50 anos, não espere que novos sintomas apareçam, é melhor consultar um médico imediatamente!

Como aumentar a potência após 50 anos

Somente o médico responsável pode dizer por que diminui a atividade sexual de um homem e como aumentar a potência aos 50 anos após um exame preliminar do paciente. O médico explica que todos os distúrbios podem ser tratados com sucesso. Ele prescreverá uma terapia complexa, levando em consideração todas as características dos distúrbios que surgiram, suas causas e a presença de doenças concomitantes. O tratamento complexo inclui:

  • adequando a rotina diária, cargas, nutrição e relacionamento com o parceiro;
  • tratamento medicamentoso;
  • métodos não medicamentosos:
  • fisioterapia;
  • terapia com exercícios;
  • massagem
  • ;
  • reflexologia;
  • psicoterapia.

Tratamento medicamentoso para impotência aos 50 anos

Se um homem tiver patologia cardiovascular (angina pectoris, hipertensão) ou endócrina (diabetes, obesidade), ele será tratado simultaneamente por um urologista-andrologista e um terapeuta (cardiologista, endocrinologista). Para melhorar a potência após 50 anos, você precisa tratar doenças concomitantes.

No caso de distúrbios leves de potência associados à secreção insuficiente de testosterona, são prescritos fitopreparações ou suplementos dietéticos (suplementos dietéticos) que estimulam a produção de hormônios ou medicamentos contendo testosterona sintética, vitaminas e minerais para mantê-la.

Em caso de disfunção erétil significativa, são prescritos medicamentos que suprimem a ação de uma enzima que impede a expansão rápida dos vasos do pênis (grupo IFDE-5).

Tratamentos não medicamentosos

Às vezes, esses métodos são tão eficazes quanto tomar comprimidos. Os métodos não medicamentosos incluem:

  1. Fisioterapia- a eletroforese com sedativos é prescrita para eliminar os efeitos do estresse. Com a disfunção erétil, a estimulação elétrica retal e a terapia a laser ajudam a enfrentar. A terapia transcerebral de ultra-alta frequência restaura o equilíbrio hormonal.
  2. Massagem. A massagem geral harmoniza, restaura as forças do corpo, tonifica o sistema nervoso central. A massagem segmentar (incluindo ventosa) restaura a potência.
  3. Reflexoterapia- impacto nos pontos de acupuntura (TA) localizados na superfície do corpo e conectados reflexivamente aos órgãos pélvicos. Com este antigo método chinês, qualquer distúrbio sexual é tratado. Resultado: você pode restaurar totalmente a potência, aumentar a duração da relação sexual.
  4. Psicoterapia. Quase todos os distúrbios de potência são acompanhados por distúrbios psicológicos que agravam seu curso. O curso da psicoterapia elimina as consequências do estresse agudo e prolongado, restaura a confiança do homem em suas habilidades.

Como melhorar a potência após 50 anos sem um médico

Aumentar a potência depois de 50 anos sem médico é problemático, já que nessa idade o homem tem várias doenças concomitantes, que muitas vezes são assintomáticas. Para identificá-los, você precisa se submeter a um exame. Sem isso não há como, pois o estado da função sexual, a capacidade de potencializá-la, depende diretamente do tratamento de doenças concomitantes.

E ainda, como aumentar a potência em 50 por conta própria? Para fazer isso, você deve tentar tomar remédios populares, remédios de ervas e suplementos dietéticos, bem como estabelecer um estilo de vida e nutrição saudáveis.

Remédios populares

A vantagem dos remédios populares é que eles têm um mínimo de efeitos colaterais e contra-indicações. Mas sua eficácia está diretamente relacionada à aplicação correta. Portanto, na ausência de desejo sexual, significa que estimular uma ereção não vai ajudar, e vice-versa. Mas também existem remédios populares universais adequados para todos os homens com mais de 50 anos com distúrbios de potência.

Os 3 principais remédios populares universais para aumentar a potência após os 50:

  1. Geléia realé o segredo das glândulas das abelhas operárias. Um remédio universal para distúrbios de potência em homens de qualquer origem. Restaura o fundo hormonal do homem, melhora a circulação sanguínea e o estado do sistema nervoso, acalma, tem efeitos antiinflamatórios, antibacterianos e antivirais e imunoestimulantes. Tome uma colher de chá três vezes ao dia 30 minutos antes das refeições e mantenha na boca por 5-10 minutos. O curso do tratamento é de um mês. A geléia real é especialmente útil para processos inflamatórios nos órgãos pélvicos e distúrbios circulatórios em homens após 50 anos.
  2. Gengibreé um excelente remédio para melhorar a circulação sanguínea na pequena pelve e ativar as defesas do corpo. Também é um remédio universal para distúrbios sexuais. Expande os vasos sanguíneos, aquece, tem efeitos anti-inflamatórios e antimicrobianos. Uma decocção de gengibre é preparada da seguinte maneira: duas colheres de sopa de raiz picada fresca são despejadas em 250 ml de água fervida e mantidas por 20 a 30 minutos em banho-maria. Tome uma colher três vezes ao dia, com mel. Curso - mês.
  3. Coleta de ervas para impotência. Pegue as partes secas esmagadas das plantas: flores de calêndula - 1 parte, inflorescências de imortelas de areia - 2 partes, raízes de valeriana - 2, 5 partes, erva de São João - 3 partes. Despeje uma colher de sopa da coleção com 250 ml de água, aqueça em banho-maria por 15-20 minutos. Tome uma colher de sopa três vezes ao dia antes das refeições por 4 a 6 semanas.

Fitopreparações e suplementos dietéticos

Para autoaperfeiçoamento da função sexual, é mostrada a ingestão de remédios de ervas, suplementos dietéticos (suplementos dietéticos), que aumentam a potência. Condição principal: só podem ser adquiridos na farmácia e após consulta com um especialista. Comprar pela Internet é o risco de obter um produto falso ou apenas de baixa qualidade, às vezes até prejudicial à saúde.

Exercícios

Os homens após os 50 anos costumam levar uma vida sedentária e apresentam excesso de peso. Tudo isso perturba a circulação sanguínea na pequena pelve, torna difícil o fluxo do sangue para os órgãos genitais e o desenvolvimento de uma ereção. Exercícios projetados especificamente para aumentar a potência podem corrigir a situação. Eles vão fortalecer os músculos, ativar a circulação sanguínea e melhorar o metabolismo. Eles precisam ser feitos regularmente.

Exercícios TOP-3 para aumentar a potência em homens após os 50:

  1. Respiração diafragmática- massagem dos órgãos pélvicos. Deite-se de costas, dobre as pernas na altura dos joelhos. Respire fundo e lentamente, projetando o estômago. Prenda a respiração por 3 segundos e expire lentamente, encolhendo ativamente o estômago. Faça isso 10 vezes.
  2. Andar sobre as nádegas- fortalece os músculos da pelve e as paredes dos vasos sanguíneos. Sente-se no chão com as pernas retas, estendidas e ligeiramente afastadas. Avance, movendo-se nas nádegas, 2 m para frente e depois para trás. Repita 6 vezes.
  3. Movimento com resistência no joelho- fortalece os músculos do períneo, melhorando o fluxo sanguíneo para os órgãos genitais. Sente-se no chão, dobre as pernas na altura dos joelhos, com as mãos sobre os joelhos. Adicionando e estendendo os joelhos enquanto resiste a esse movimento com as mãos. Faça isso 10 vezes.

Prevenção da impotência em 50

  1. Alimente-se de maneira adequada e regular. Você deve comer produtos animais magros: carne, frutos do mar, leite, queijo cottage, queijo. A exceção são os peixes: peixes marinhos oleosos e óleo de peixe são muito benéficos para a saúde dos homens. Além disso, a dieta deve ser rica em vegetais, frutas, grãos inteiros, nozes e sementes. Pratos gordurosos, fritos, defumados, doces e assados ​​devem ser excluídos da dieta masculina e a ingestão de álcool deve ser limitada.
  2. Aumente a atividade física. Você deve caminhar mais, praticar esportes viáveis. A natação é muito útil.
  3. Gerenciamento de estresse. Estresses infrequentes de curto prazo não têm um efeito negativo na potência. Estresses frequentes e prolongados são prejudiciais, é preciso se livrar deles, se necessário, tomar ervas calmantes (valeriana, motherwort).
  4. Também é importante tratar oportunamente todas as doenças, pois elas suprimem a atividade sexual e aumentam os distúrbios de potência.

Perguntas frequentes

Existe algum meio seguro de restaurar rapidamente a potência em 50?

Sim, existem, mas são prescritos por um médico.

A potência de um homem será restaurada se ele abandonar os maus hábitos?

Para restaurar a potência, é necessário um tratamento complexo, incluindo abandonar os maus hábitos.

Até que idade um homem deve manter a potência?

Tudo depende da genética e do estilo de vida do homem. Alguns homens permanecem sexualmente ativos até a velhice.

A restauração da potência nos homens após 50 anos não é um problema em nosso tempo, existem todas as possibilidades para isso. Mas muito depende do próprio homem: os comprimidos por si só não restauram a saúde sexual. Para manter a potência normal, você precisa comer bem, se movimentar mais, se livrar dos maus hábitos. Com problemas? Mas vale a pena!